Celesc solicita apoio dos vereadores para conscientização sobre vegetação próximo à rede de energia

O Chefe da Agência Regional da Celesc de Rio do Sul, Manoel Arisoli Pereira, solicitou apoio dos vereadores de Ibirama para a divulgação da Lei Estadual 17.558 (10 de Outubro de 2018) que estabelece limites para o plantio de árvores exóticas e nativas próximo à rede de distribuição de energia elétrica.  O Presidente da Câmara,  Harri César Schmitz, tomou ciência do pedido no qual cita a legislação que estabelece o limite de 15 metros para cada lado a partir do eixo central da rede para espécies folhosas como eucalipto e 7,5 metros para espécies coníferas como o pinus.  
A queda de árvores, galhos e cascas de plantas sobre os cabos da rede elétrica, principalmente durante tempestades com ventos, é responsável pela maior parte dos desligamentos de energia em Ibirama. 
Manoel, que já apresentou o tema em sessão da Câmara de Ibirama, solicitou também o apoio dos vereadores para ajudar a conscientizar a população dos perigos da vegetação próxima à rede, principalmente nas áreas rurais, onde os problemas são mais recorrentes em função dos reflorestamentos de pinus e eucaliptos.
Para minimizar esse impacto, a Celesc realiza poda nos locais em que vegetação oferece riscos ao fornecimento de energia. É um trabalho só pode ser realizado pela distribuidora, já que a proximidade com a rede de energia pode causar acidentes.  Nas demais situações, a poda deve ser providenciada pela Prefeitura de cada município. Se a vegetação está dentro de propriedade particular, o serviço é responsabilidade do consumidor, que deve buscar orientação da Celesc.